sexta-feira, 6 de maio de 2011

Deficiente auditivo ou surdo? Existe diferença?

Muitos ficam na dúvida se devem dizer deficientes auditivos ou surdos, mas afinal, qual o nome correto?

Para surpresa de muitas pessoas, os dois nomes são corretos, e existem sim muitas diferenças entre eles e colocamos aqui algumas delas para entendermos um pouco melhor.

Segundo o Prof. Neivaldo A. Zovico (surdo, coordenador de acessibilidade da FENEIS), o termo surdo é usado por aqueles que já nasceram surdos, portanto não consideram que possui alguma deficiência, para ele o fato de não ouvir é natural.

Já a pessoa que perdeu a audição, seja em acidente ou alguma doença, usa-se o termo que na verdade hoje é pessoa com deficiência auditiva.

 

Veja abaixo as principais diferenças entre os surdos e deficientes auditivos, quanto à vários fatores culturais, segundo Neivaldo:

Deficiente Auditivo

Surdo

Não são usuários de  LIBRAS

São usuários de LIBRAS

Mobilização em busca de aparelhos auditivos

Mobilização na defesa da LIBRAS, da cultura e da comunidade surda

Assistem televisão com fone sem fio

Assistem TV através de Legenda

São mais próximos dos ouvintes

Usam telefone para surdos

Conforto lingüístico ser oral-auditivo

Utilizam sinalizadores luminosos para campainha, telefone, etc.

Não participa nas associações de surdos

Painéis eletrônicos

Não aceita ser chamado de surdo

Utilizam-se mais de imagens na interpretação e comunicação

Presença de Interprete Oro-Facial

Participa nas associações de surdos

Gosta de ser chamado de deficiente auditivo

Não aceita ser chamado
deficiente auditivo

 O termo errado é surdo-mudo

O que é errado é o termo SURDO-MUDO, pois não existem pessoas surdas-mudas, só surdas, elas não falam porque não ouvem, mas muitos podem vir a falar, aprendendo em escolas próprias e com fonaudiólogos, usando a técnica da leitura labial, eles podem desenvolver a fala como qualquer ouvinte.

Disponível em http://www.koller.com.br/diferencas-deficientes-auditivos-e-surdos.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário